Eu sou, ou melhor, era  daquelas pessoas que dizia "eu nunca vou emigar" e realmente eu não me via a ponderar essa hipotese. Actualmente estou a trabalhar, não posso dizer que seja um trabalho muito estável mas é na minha área e portanto estou a exercer a profissão para a qual estudei 4 anos o que me deixa a pensar que não estou assim tão mal. No entanto não estou a ser remunerada de acordo com o estipulado, não me são pagas horas nocturnas nem tenho direito a horas de qualidade e tenho que me sujeitar sabendo que me estão a meter a mão ao bolso. A verdade é que não pretendo emigrar agora, nao para já, não para amanhã. Mas se ficar sem trabalho e atendendo à conjuntura do nosso país acho que serei uma forte candidata a esta medida. Procurar em noutro país as hipóteses que não tenho no meu. E se assim for penso num local quentinho. E não é por causa disto:

Juro